"Templo da Prostituição na Índia" sendo mudado pelo Evangelho




O templo da prostituição na Índia, em uma prática conhecida como devadasi, está sendo destruído pelo poder do Evangelho.

Mulheres que são dedicadas a uma deusa, obrigadas a se prostituírem, estão entrando em contato com o Evangelho e tornando-se poderosas testemunhas de Cristo, segundo informou a publicação cristã Charisma.

A prática do devadasi consiste na exploração de mulheres e tem servido de último recurso para os pais desesperados por uma benção dos deuses.

Famílias pobres, que passam fome devido à difícil situação financeira, oferecem suas filhas para a deusa Yellamma com a esperança de receberem um favor dela.

A Junta de Missões Mundiais relata que o templo da prostituição continua mesmo tendo sido banido há 30 anos no país.

As mulheres dedicadas são normalmente consideradas casadas com a deusa e nunca poderão se casar com um homem depois disso. Atingindo a maturidade física elas são forçadas a viver como prostitutas.
Atualmente, as mulheres trabalham desde suas casas, sendo muitas conduzidas pelo tráfico para as cidades como Mumbai e Bangalore.

Esta situação encontrou um ponto de virada através do contato dessas prostitutas com Jesus. De acordo com a Charisma, o Evangelho está tendo uma poderosa força com rápido difusão entre as servas dessa trágica prática.

Uma prostituta que descobre um relacionamento com Cristo torna-se uma grande testemunha que rapidamente para suas colegas de trabalho sobre seu livramento no Senhor.
Segundo a fonte cristã, muitos cristãos estão trabalhando em prol de passar a mensagem do Evangelho para tais mulheres.
Eles as equipam, lhes dão força e as monitoram.

Através desse trabalho, muitas prostitutas estão tornando-se luz para almas de muitas outras mulheres nessa mesma situação.


Por Andrea Madambashi

fonte:
www.christianpost.com

0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget